SÃO JOSÉ SUPERA O CANOAS E ESTÁ ENTRE OS OITO

São José foi a Canoas no Rio de Grande Sul, neste sábado, para jogo decisivo. E venceu por três sets a zero a décima rodada do returno, jogo em que só a vitória interessava para ambos os times, que estavam em busca da classificação, empatados, com 24 pontos.

As equipes apresentaram uma atuação muito parelha, mas os joseenses estavam especialmente motivados. O jogo que começou às 18h no Ginásio Poliesportivo La Salle, terminou em aproximadamente 1h 40 minutos, com parciais de 25/27, 18/25, 21/25.

Iniciaram o jogo: Rodriguinho, Alemão; Diogo, Polaco; Alberto, Everton; Mateus (líbero). Também participaram Lorena e Lucas Salim. Os maiores pontuadores foram Alemão, com 21 pontos, Diogo com 13 e Kandango com 8 pontos.

O Troféu VivaVôlei ficou com o líbero Matheus Natividade, que fez excelente partida, substituindo o titular Mário Júnior, poupado por lesão. Para ele foi um dia muito especial, pela vitória e por ter recebido o primeiro Viva Vôlei da sua carreira. “O time se comportou muito bem, sabendo da obrigação e a importância da vitória. Este é meu primeiro Viva Vôlei, que jamais seria possível sem o apoio e a confiança dos meus companheiros”.

O técnico Renato Soares comentou o jogo no final. “Hoje fizemos muito bem o nosso papel. Não foi fácil chegar até aqui, cometemos muitos erros em jogos anteriores, que nos prejudicaram. Mas hoje era decisivo, erramos menos, tivemos um bom percentual no ataque, jogamos na frente quase todo o tempo e aí o time foi lá e mostrou que com garra e união nós podemos fazer o nosso melhor. Estamos mais perto dos playoffs agora, dependemos ainda dos resultados de algumas equipes, mas conseguimos mais confiança para fazer um bom jogo contra o Taubaté. Mais uma vez, repito: continuamos sonhando com a vaga”.

O jogo
O jogo começa equilibrado: (2×2). Teve ace de Albertão e aí o São José já abria 2 pontos (3×5). Confirmando sua boa fase, Alemão sobe e é block (5×8) e as equipes vão para o primeiro tempo técnico. Na volta a equipe do Canoas esboça reação, explora bem o seu bloqueio mas o São José consegue se manter todo tempo à frente em pequena vantagem, de 3 ou 2 pontos até o empate em (23×23). O técnico Renato Soares pede tempo. Na volta o bloqueio adversário funciona mais e eles passam 25×23. O São José se recupera, 25×26 para fechar. Final: 25×27

No segundo set, o cenário se repete. As equipes trocam pontos. O saque joseense vem pesado. Alemão erra um, mas logo tem ace de Diogo! No primeiro tempo técnico a diferença é de apenas dois pontos (6×8), mas o São José abre (8×12), a maior diferença entre equipes até aqui. São José amplia (10×16) e o técnico Marcelo Fronckowiak para o jogo. O São José não se intimida e aplica um placar elástico (14×20). Canoas vai buscar e diminui a diferença (16×21) o bastante para o técnico joseense pedir tempo. Na volta a equipe se organiza, ataca forte, defende bem e para fechar Alemão decide explorar o bloqueio. (18×25).

O São José vem para o terceiro set apostando mais uma vez no saque forçado. Tem mais um ace agora com Polaco e a equipe joseense vibra muito. O placar passar a ser bem melhor para o São José (13×16), (16×19), (17×20) e segue aproveitando muito bem as oportunidades no saque e ataque. Alemão está inspirado emostra porque é o maior pontuador da partida fechando o set em 21/25.

Próximo jogo
O próximo desafio da equipe joseense, pela última partida da fase classificatória é na quarta-feira, dia 9 de março, contra a equipe do Taubaté, em casa, no Ginásio do Tênis Clube.
Os ingressos custam R$ 20 INTEIRA e R$ 10 MEIA.
Os ingressos também estarão à venda pelo http://www.totalplayer.com.br/venda, na FisioClin – das 8h às 19h e no dia do jogo, na bilheteria do Tênis Clube, a partir das 14h.
FisioClin
Endereço: Avenida José Longo, 1600
Telefone: (12) 3922 9391
Horários das 8h às 19
*somente em dinheiro
Ginásio do Tênis Clube
Av. Nove de Julho, 23 – Vila Adyana
A partir das 14h.
*Somente em dinheiro.

Elenco
Central: Alberto, Everton, Brunão, Junior e Gladstone | Oposto: Lorena, Alemão | Ponteiro: Diogo, Hugo Hamacher, Cristian Poglajen, Eduardo Bidá | Levantador: Rodriguinho, Lucas Salim | Líbero: Mario Junior, Matheus Oliveira | Técnico: Renato Jr. (Banana) | Auxiliar Técnico: Fabrízio Capello

São José Vôlei
O São José Vôlei é uma equipe de alto rendimento que disputou a Superliga 2014/2015, depois de conquistar a vaga com o título da Superliga B 2014. A vaga na Superliga 2015/2016 foi conquistada em seletiva com outras quatro equipes, disputa em que o São José Vôlei sagrou-se campeão.
A maior parte dos recursos para manutenção da equipe é proveniente da Prefeitura de São José dos Campos. Outra parte, derivada de empresas apoiadoras como Colégio e Curso Poliedro, por meio da Lei de Incentivo Fiscal – LIF.
Hoje o São José Vôlei executa um plano estratégico de marketing e negócios que prevê captação de patrocínio e implantação de ações que eleve sua autonomia com recursos privados em pelo menos 50% para a temporada 2015/2016 e alcance 100% na temporada 2016/2017.